Menor reage a abordagem e atira em tenente e soldado da PM




Policiais militares do 3º BPM de Arcoverde/PE realizavam rondas, no início da tarde de sexta-feira (13), quando avistaram um elemento suspeito, na frente da Escola Noé Nunes Ferraz, bairro da Cohab II em Arcoverde.


Segundo a PM, ao tentar abordar o suspeito, que seria menor de 16 anos, ele reagiu à ação policial, chegado a morder o dedo indicador do Ten PM Martins. O policial tentou algemá-lo, houve luta corporal e o infrator juntamente com o oficial caíram no chão, ocasião em que o infrator retirou de sua própria cintura um revólver cal. 38 de marca Smith com capacidade de cinco tiros e efetuou quatro disparos de arma de fogo, sendo um contra o Ten Martins atingindo-o a altura do abdômen e dois disparos contra o Sd R. Júnior, sendo um na altura de sua cabeça não o atingindo, contudo o segundo na altura das costas, vindo a rasgar seu fardamento e o outro pinou. O menor só foi contido com a chegada de apoio policial.




Em interrogatório, o menor alegou a polícia que estava ali porque iria matar um desafeto, que dias antes tinha quebrado um tablet de sua companheira.

Policiais civis e militares foram até a residência da citada companheira, menor de 15 anos, e no quarto, embaixo do colchão, foi encontrada a quantidade de 470g de crack, uma caixa de uma balança de precisão e uma caderneta contendo informações sobre tráfico de drogas. A mesma foi conduzida a DP local para as medidas cabíveis. 

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Ao invés de ajudarem os PMs o.povo queria ver sangue deles. Apoiaram o criminoso e nao o lado certo.

    ResponderExcluir