» » » » O projeto Escola Vai ao Cinema chega a Aracati

O projeto A Escola Vai ao Cinema chega hoje (25/09) na cidade de Aracati, realizando seminário com professores da rede municipal, lançando concurso de redação e exibindo curtas-metragens produzidos por estudantes do interior, que fazem parte do projeto, oriundos das escolas públicas de Sobral, Limoeiro do Norte e Quixadá.

Realizado pelo Instituto CDL de Cultura e Responsabilidade Social, A Escola Vai ao Cinema tem como principais objetivos qualificar a educação, estimulando alunos e professores por meio do cinema, além de possibilitar aos alunos de escolas públicas do interior do estado o contato com outras referências culturais e estimular a valorização da produção cinematográfica nacional.

Nesta edição os filmes “O Prisioneiro e o Bambu”, “O Palhaço” e “A invenção da Galinha”, produzidos por estudantes e com orientação e direção do cineasta Telmo Carvalho, serão lançados também amanhã, a partir das 14 horas, nas salas de cinema do Pinheiro Supermercado, em Aracati-CE. Nos anos anteriores, o projeto já exibiu nas telas “O Picolé”, “O Homem do Saco”, “Técnicas Animadas” e “O Pescador”, curtas que já foram selecionados para o Festival Anima Mundi, na categoria Futuro Animador, e o Festival Internacional do Pequeno Cineasta

Antecede a abertura, a realização do Seminário Cine Educação conduzido pela coordenadora pedagógica do projeto, jornalista Bete Jaguaribe, que tem na plateia de formação os professores da rede pública de Ensino que juntos vão debater o filme “O Segredo dos Diamantes”, do cineasta mineiro Helvécio Ratton.

Foco do projeto

Em cada cidade o projeto promove exibições de filmes nacionais, seminários de Cine Educação para os professores da rede pública de ensino, oficinas de animação e concurso de redação. As atividades realizadas são todas interligadas e envolvem alunos do 1ª ano do Ensino Fundamental até o 3ª ano do Ensino Médio.

Números em 2015

Em 2015 o projeto A Escola Vai ao Cinema vai promover 100 exibições de cinema em Sobral, com expectativa de beneficiar 10.000 alunos; 70 na cidade de Limoeiro do Norte, atingindo aproximadamente 7.000 estudantes e 56 nos municípios de Quixadá e Aracati, totalizando 5.600 alunos em cada um deles. A meta é realizar 130 sessões de cinema brasileiro para alunos da rede pública de ensino. Além das mais de 130 sessões, também serão realizados quatro seminários de CineEducação, quatro oficinas de animação e quatro concursos de redação, sendo uma em cada município visitado pelo projeto.
Fonte: Ceará Agora

About Léo

Olá! Eu sou Leo design web.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply