» » » URCA articula exposição da obra de Sérvulo Esmeraldo em Crato



Uma exposição histórica do artista plástico cratense, reconhecido internacionalmente, deverá acontecer a partir de fevereiro do próximo ano, na Universidade Regional do Cariri (URCA), no campus do Pimenta, em Crato. O Reitor da Instituição, Professor Patrício Melo, recebeu na última sexta-feira, o artista plástico Sérvulo Esmeraldo, e a curadora Dodora Guimarães, esposa do artista cratense, para conversar sobre a parceria e verificar os espaços onde poderão ser instaladas as esculturas e gravuras do artista. Inclusive, uma delas, a maior de todas, em forma de pirâmide, deverá ser montada em ponto estratégico da cidade ou na própria instituição.
Juntamente com o artista, foram visitados os espaços, e ele destacou ao mesmo tempo a alegria de poder expor o seu trabalho justamente onde começou a desenvolver as suas primeiras obras de arte, atualmente em exposição permanente em instituições como a Pinacoteca do Estado de São Paulo.
O trabalho de Sérvulo poderá ser contemplado por estudantes, a sociedade caririense e centro- sul, além da oportunidade de realização de um seminário escolhendo a sua obra como temática, com a presença do próprio artista. O Reitor destacou a importância de Sérvulo para a cidade do Crato e da abertura de espaço para que a arte adentre a Universidade, no sentido de proporcionar a reflexão e expansão do conhecimento, em suas diversas vertentes.
A curadora Dodora Guimarães afirma a ideia de realizar a exposição no Crato vem de vários anos, e no dia 27 de fevereiro de 2016 Sérvulo completa 87 anos. “Estamos com um projeto para homenageá-lo nos seus 88 anos e o começo dessa comemoração irá acontecer no Crato, com essa exposição”, afirma. Já estão sendo trabalhados pelo artista várias obras, algumas com desenhos já desenvolvidos. O objetivo é fazer um projeto que tenha abrangência da sua obra, com a escultura, e as etapas de trabalho, sobretudo a partir dos anos 80, no seu retorno da para o Brasil, e a gravura, que foi o início de tudo. Há uma série de gravuras recentes, feitas em 2014 e 2015. “O Nosso desejo é que o Crato conheça a obra do Sérvulo”, diz Dodora.
A primeira exposição individual de Sérvulo Esmeraldo aconteceu em Crato, no ano de 1951. A segunda veio já no ano de 2001, durante a Bienal de Artes do Cariri, e no ano de 2010, aconteceu outra, mas em Juazeiro do Norte, no Centro Cultural Banco do Nordeste (CCBN).
A curadora ainda ressalta que dentro da perspectiva de trazer mais para as origens o trabalho do artista, não se descarta a possibilidade de ser feita doação para a cidade como um marco, de uma de suas obras. O Reitor ainda ressaltou que irá se reunir com órgãos do Governo do Estado, para garantir o apoio necessário na realização desse projeto, que marca de forma expressiva a trajetória de Sérvulo Esmeraldo.

Texto: Assessoria Urca
Foto: Reprodução/Gentil Barreira - site: nopatio

About Cariri como eu vejo

Olá! Eu sou Leo design web.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply