Header ads

» » » Veja os destaques de capa das revistas desta semana





O povo sofre por Chapecó
Tragédia na Colômbia gera onda global de solidariedade, une rivais dos gramados, torcidas adversárias, países distantes e até pessoas que não gostam de futebol – mas a dor vai durar por muito tempo.

Nos últimos dias, multidões gritaram brados sinceros em homenagem à Chape e a todos os mortos, ou simplesmente permaneceram caladas, em silêncio respeitoso. Ações concretas de ajuda às famílias das vítimas começaram a ser planejadas. Surgiram preocupações genuínas com o futuro do time. Ideias positivas foram lançadas. Não é nada, e não é mesmo, perto das vidas perdidas, mas é a demonstração de que, afinal, ainda há uma dose de altruísmo em cada um de nós.

Congresso contra o povo

Numa atitude vergonhosa, a Câmara e o Senado viram as costas para os brasileiros ao desfigurar o pacote anticorrupção, incendeiam o País e deflagram uma guerra entre Poderes, colocando em risco até a própria Lava Jato.

Época

O acidente que comoveu o mundo
Associação Chapecoense de Futebol: Campeã Sul-Americana 2016


Nada mudará o fato doloroso de que o choque do LaMia 2933 com a Cerro Gordo, montanha nos arredores de Medellín, extinguiu 71 vidas. Do barulho de tantas mortes, porém, não irrompeu somente a dor que dilacera aqueles que permanecem.

O luto que se seguiu não foi silencioso, solitário. Não se definiu pelo chorar consternado e perplexo de quem perdeu, abrupta e violentamente, alguém. Não. Foi um luto verdadeiramente coletivo – de um time, de um esporte, de uma cidade, de uma nação. De duas nações. De todos nós. Ouviu-se esse luto solidário no uníssono dos milhares de vozes que preencheram o Estádio Atanasio Girardot, em Medellín, no dia seguinte ao desastre: “Ê, vamos, vamos, Chape, ê!”. Repetidas vezes. Pulmões unidos por igual sentimento cantavam às lágrimas na Arena Condá, em Chapecó. Por alguns instantes, o mundo inteiro parecia um estádio que torcia pelo mesmo time.

E, num breve triunfo da vida sobre a morte, na mais bonita das homenagens que a memória daquelas 71 almas poderia receber, tudo o que pulsa de mais humano sustentava-se num cântico de futebol. Vamos, vamos, Chape.

Veja

Enquanto o Brasil chorava a tragédia… Deputados entravam em campo contra a Lava Jato


Lava Jato
A crise entre o Congresso e o Ministério Público por causa das medidas anticorrupção

CartaCapital

O governo derrete
Economia em queda livre, confronto com a justiça e a Lava Jato, protestos em alta, novas denúncias de corrupção…

Fidel Castro
Eterno revolucionário, longevo ditador, último grande personagem do século XX.

IBGE Sociedade Anônima
Como a nova direção quer transformar o instituto em uma espécie de consultoria privada.

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor nos avise através do Whatsapp (88) 8812-5476. Duvidas, criticas ou sugestões também podem ser enviadas em nosso contato Whatsapp. .

About Cariri como eu vejo

Olá! Eu sou Leo design web.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply