» » » » São João nos Bairros fortalece tradição junina nas comunidades

Cerca de 5 mil pessoas estiveram presentes na noite de ontem, na Vila Bom Jesus (Capela São João Batista), no Horto, para participar da programação do São João nos Bairros, projeto que vem sendo realizado em 15 bairros do Município, com 22 grupos de tradição e quadrilhas, por meio da Coordenação de Arte e Cultura, da Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte. 



Cerca de 5 mil pessoas estiveram presentes na noite de ontem, na Vila Bom Jesus (Capela São João Batista), no Horto, para participar da programação do São João nos Bairros, projeto que vem sendo realizado em 15 bairros do Município, com 22 grupos de tradição e quadrilhas, por meio da Coordenação de Arte e Cultura, da Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte. O São João nos Bairros teve início no dia 23 de junho e vai até 1º de julho. O evento é gratuito e aberto ao público, em 15 bairros diferentes da cidade, com a participação de 22 quadrilhas e 17 grupos de tradição popular.

O Prefeito Arnon Bezerra tem prestigiado pessoalmente as apresentações. Segundo ele, é importante as comunidades valorizarem as tradições da cultura popular como o maneiro pau, o reisado e outros, bem como as quadrilhas juninas que alegram as festas desse período do ano.

As duas primeiras noites do São João nos Bairros realizado em Juazeiro do Norte foram bastante prestigiadas pela população. O evento teve início na sexta-feira, 23, no Sítio Carás do Umari, e aconteceu também no sábado, no Bairro Romeirão. O evento reuniu em média duas mil pessoas por noite, proporcionando diversão à comunidade. A programação segue até o próximo dia 1º de julho. A abertura do evento, na sexta-feira, ficou por conta da quadrilha Força Nordestina, cuja sede é localizada Sítio Carás do Umari.

Diferente dos anos anteriores, o público está tendo a chance de poder acompanhar as festas juninas dentro de suas comunidades. Para Laudelino do Nascimento, coordenador da quadrilha Força Nordestina, o apoio da Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, através da Coordenação de Arte e Cultura, traz um diferencial importante neste ano. “Dessa vez está sendo muito melhor que nos anteriores, pois antes tínhamos que nos deslocar para outros lugares, e mesmo quando fazíamos uma festa em nossa comunidade, não tínhamos a estrutura e o apoio que estamos recebendo agora”, comenta Laudelino.

Ela lembra outro aspecto importante desse evento que é a oportunidade de geração de renda para o seu próprio grupo e para as comunidades. “Essa festa permitiu que montássemos barracas para comercializar alimentos e bebidas. E não apenas nosso grupo foi beneficiado. Muita gente tá tendo também essa oportunidade”, diz.

O Prefeito Arnon Bezerra esteve presente nos dois primeiros dias. Na abertura não perdeu a oportunidade de participar da festa. Em sua fala, disse à comunidade que essas festas são uma grande oportunidade para celebrar o São João, reencontrar amigos e fazer novas amizades num dos períodos.

Ele ressaltou a importância do apoio que a Prefeitura de Juazeiro do Norte está dando aos grupos e evitando uma disputa por um único prêmio, onde só o primeiro lugar era contemplado. “Neste ano, estamos dando um recurso para que todos os grupos participantes possam investir em seus trabalhos e fazer uma bonita festa. É um prêmio dado por igual a todas as quadrilhas”, comentar o Prefeito.

No sábado, bairro Romeirão, a festa foi organizada pela Quadrilha Gonzagão. O evento contou com a participação do grupo de tradição Reisado de São Francisco, do Mestre Dodô. Na ocasião, o Prefeito foi homenageado com uma comenda pelos participantes da quadrilha. Ontem, o Prefeito ainda participou do Arraiá no sítio Santo Antônio e do evento Rock na Praça.

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor nos avise através do Whatsapp (88) 8812-5476. Duvidas, criticas ou sugestões também podem ser enviadas em nosso contato Whatsapp. .

About Cariri como eu vejo

Olá! Eu sou Leo design web.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply