» » » Conselheiro tutelar envolvido em suposto estupro pode ser afastado do cargo

Caso será analisado ainda esta semana pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente











A denúncia de que uma adolescente de 13 anos teria sido estuprada por um conselheiro tutelar está sendo investigada pela cúpula do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. O caso, ocorrido na última semana, aponta o nome do conselheiro Luiz Carlos como o suspeito. Luiz Carlos atua no Conselho Tutelar da II Região, responsável por diversos bairros de periferia da capital.
De acordo com a assessoria de comunicação do Conselho Municipal, a presidente Maria Cícera de Oliveira informou que recebeu a denúncia e que o órgão vai analisar ainda esta semana qual o procedimento legal a ser tomado. Por enquanto, o conselheiro denunciado continua mantido no cargo.
Segundo a denúncia encaminhada, a mãe da adolescente teria procurado a base comunitária da Polícia Militar do Vergel do Lago no dia 20 de novembro para denunciar que a filha foi estuprada pelo conselheiro. Ainda segundo a versão da mãe da adolescente, a vítima e o suspeito teriam se encontrado por diversas vezes e que, por medo, a adolescente só veio revelar o caso aos familiares agora.
Na ultima terça-feira (28), o colegiado do Conselho protocolou a denúncia de estupro junto ao Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE-AL) para que o órgão possa acompanhar o caso.
A equipe de reportagem do Alagoas 24 Horas tentou entrar em contato com o conselheiro pelo seu número usual, mas não obteve retorno.


Fonte Alagoas 24 Horas


Fale com o CCEV, envie a sua matéria, mostre o Cariri como você também vê. É só clicar e falar diretamente no whatsapp

http://bit.ly/whatsccev


About luiz Nascimento

Olá! Eu sou Leo design web.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply