domingo, 10 de fevereiro de 2019

Mestres e brincantes contam com atendimento à saúde em projeto inédito da Prefeitura de Juazeiro do Norte


Um dia diferenciado, voltado ao cuidado daqueles que fazem a cultura popular de Juazeiro do Norte, foi proporcionado pela Prefeitura Municipal, com o Cultura é+Saúde, por meio da Secretaria de Cultura em parceria com a Secretaria de Saúde. E o trabalho apenas começou pelo zelo aos guardiães dos saberes. O projeto que tem o objetivo de amparar a saúde dos mestres e brincantes da cultura popular e foi lançado no último sábado, 09, em Juazeiro do Norte. Mestres como Cicinho, Margarida, Dodô, participaram desse primeiro momento, com atendimento a cerca de 50 pessoas.

Esse foi o dia “D” do projeto “Cultura é + Saúde”, na Unidade Básica de Saúde Frei Jeremias, no Bairros Franciscanos. A ação aconteceu das 8h da manhã até o meio-dia e fez uma triagem clínica dos pacientes.

A ideia é que o projeto possa atender todos os Mestres e Brincantes cadastrados junto à Secretaria de Cultura de Juazeiro do Norte e que já desenvolvem algum trabalho ou projeto relacionado à Prefeitura.

Eles passaram por atendimentos na área de saúde. No local estavam presentes clínico geral, dentista, enfermeiros, enfermeiros, nutricionistas e agentes de saúde da família, que fizeram um levantamento das necessidades de saúde dos mestres e brincantes. Também foram atendidos os cônjuges (maridos e esposas) dos brincantes. Também estiveram presentes psicólogos, e foram oferecidos serviços de reiki, e momentos como o circulo da paz, amorização e meditação. 

A partir de agora, dando prosseguimento ao projeto, os pacientes serão encaminhamento para os respectivos tratamentos clínicos e, para os que necessitarem, próteses dentárias.

Para o Mestre Cicicnho, do Reisado de Santo Expedito, esse projeto beneficiará os que fazem a cultura popular de Juazeiro do Norte “A ideia vai beneficiar todos e, principalmente, os Mestres mais velhos. Isso é muito importante!”, disse.

Já o líder do Reisado de São Francisco, Mestre Dodô, o atendimento foi além de suas expectativas. “Foi melhor do que eu esperava. Eu e minha esposa fomos muito bem atendidos. Espero que continuem esse atendimento para todos os brincantes da cultura. Só tenho a agradecer e dar nota mil!”, ressaltou Mestre Dodô.

A idealizadora do projeto, Maria Gomide, acredita que esse é um projeto muito importante para cuidar da saúde dos brincantes de Juazeiro do Norte e contribuir para preservar as tradições culturais populares do Município, consideradas um patrimônio imaterial. “Nós faremos o acompanhamento necessário de todos os tratamentos com um olhar atento para a saúde dos brincantes e mestres que são guardiães da cultura popular de Juazeiro do Norte”, ressalta Maria Gomide.

Informações da assessoria de comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário