Voluntários podem doar sangue antes e durante feriado de carnaval


Ainda dá tempo de doar sangue. O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), do Governo do Ceará, faz o convite aos moradores da capital e do interior. Antes de viajar e aproveitar os dias de folia, doe sangue.

E durante os quatro dias de carnaval, as unidades do Hemoce funcionarão em horário especial. Na capital, o posto de coleta do hemocentro no Instituto Dr. José Frota (IJF) atenderá das 13 às 17h30, entre os dias 2 e 5 de março.

Em Juazeiro do Norte, a coleta ocorrerá na segunda e terça-feira, dias 4 e 5, no Ginásio Poliesportivo. Das 9 às 16 horas, quem for ao evento Renascer de Juazeiro poderá doar sangue. “Esse é o décimo sexto ano de parceria do Hemoce com o Renascer. E a gente só tem a agradecer à Comunidade Católica por mais uma vez dar ao Hemoce a oportunidade de montar um posto de coleta no evento, onde a população sempre se mostra tão solidária e doa sangue”, fala Nágela.

A sede do Hemoce em Fortaleza e os hemocentros do interior do estado funcionarão normalmente até o sábado de carnaval, dia 2, e reabrirão na quarta-feira de cinza, 6, a partir do meio-dia.
Campanha

O Hemoce lançou no último dia 12 de fevereiro a campanha de carnaval “Folião que doa sangue, doa alegria”. Através de peças publicitárias em redes sociais, cartazes, panfletos e spot de rádio, o Hemoce incentiva e relembra a importância da sociedade na doação de sangue.

Doar sangue, salva vidas

O sangue doado no Hemoce atende a demanda de pacientes que necessitam de transfusão em mais de 450 unidades de saúde no Ceará. Uma bolsa com cerca de 450 ml de sangue pode ser utilizada para até quatros pessoas, já que o sangue após doado é dividido em diferentes hemocomponentes.

Seja um doador

Para ser um doador de sangue é preciso: estar saudável, bem alimentado, pesar mais de 50 kg, ter entre 16 e 69 anos de idade e apresentar um documento oficial e original com foto. Menores de 18 anos devem apresentar o termo de consentimento, disponível para download no site do Hemoce (www.hemoce.ce.gov.br).

via Flavio Pinto News

Comentários