quarta-feira, 17 de abril de 2019

Restando apenas 2% para concluir obra do São Francisco, funcionários ameaçam paralisação


Funcionários do consórcio de construtoras que executam a obra do projeto São Francisco, podem paralisar os serviços de construção do trecho final do Canal Norte de Integração de Bacias a qualquer momento.

O trecho, com menos de 2% para ser concluído, beneficiará os estados do Ceará e do Rio Grande do Norte.Com a ameaça de paralisação, deputados que integram a Comissão de Agricultura da Assembleia Legislativa do Ceará programam uma visita de inspeção as obras, tanto no trecho pernambucano, quanto no trecho cearense.

Quando o projeto estiver pronto, as águas do rio São Francisco chegarão à barragem de acumulação de Jati, no Ceará, e seguirão até o açude Castanhão, uma viagem que durará pelo menos três meses.

Os trabalhadores estão reivindicando aumento salarial em percentuais que o consórcio construtor considera exagerados. O Ministério do Desenvolvimento Regional informou que as liberações de recursos para o consórcio construtor do empreendimento está regularizada.

via Ceará Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário