Ana Paula Cruz entra no circuito e fala sobre possibilidade de disputar eleição em 2020


A ex-deputada estadual Ana Paula Cruz confirma sua participação no grupo que se apresenta como via alternativa para as eleições de 2020 em Juazeiro do Norte, mas se esquiva de afirmar uma pré-candidatura à prefeita. Em entrevista, ela disse que está trabalhando junto às comunidades e que o grupo, composto por lideranças políticas do Cariri, se fortalece para se colocar firme na disputa com qualquer um dos nomes envolvidos.

A herdeira política de duas grandes representações à frente da Prefeitura de Juazeiro, Carlos Cruz e José Geraldo da Cruz, tem seu nome colocado em rodas de conversas sobre o tema. No fim do mês de abril, a ex-deputada se filiou ao PSB, que deu carta branca para uma possível candidatura à Prefeitura de Juazeiro. A filiação de Ana Paula está relacionada a um convite de Odorico Monteiro e contaria ainda com a simpatia de Eudoro Santana, pai do governador Camilo Santana.

A tentativa de viabilização passa ainda pela aproximação com Camilo. Mas diante de tantas solicitações de apoio ao governador, Ana Paula terá que mostrar força e superar aliados de longas datas que também pretendem ocupar a mesma posição. Arnon Bezerra, Giovanni Sampaio e até Fernando Santana são vistos como concorrentes do apoio político do chefe do executivo estadual.

Já na interna do grupo de lideranças em Juazeiro, informações dão conta que uma pesquisa interna deve ser o principal critério para estabelecer o nome que encabeçará a chapa formada do grupo. Com isso, nomes como Francisco Fabiano, Gledson Bezerra, Normando Sóracles, além da própria Ana Paula Cruz trabalham para se viabilizar junto à população para aparecer bem na pesquisa e tomar à dianteira da chamada 3ª via para Juazeiro.

A formação do grupo acaba minando a estratégia governista de fatiar os votos da cidade e diluir a rejeição natural de uma gestão. Com mais candidatos e sem segundo turno, o coeficiente para uma possível reeleição acaba sendo diminuído, e os votos contrários divididos entre os vários concorrentes. Mas a formação do grupo concentra a possibilidade contrária e favorece a uma polarização.                 

  (Por Adriano Duarte – Site Badalo)

Comentários