Esquadrão antibombas é chamado por suspeita de explosivo no Centro de Fortaleza


Esquadrão antibombas foi acionado e já está no local.
FOTO: Leáben MonteiroO Esquadrão Antibombas da Polícia Militar foi chamado na manhã desta sexta-feira (15) para verificar uma suposta ameaça de bomba deixada na Rua Conselheiro Estelita, entre as ruas Guilherme Rocha e São Paulo, no Centro de Fortaleza. Contudo, os especialistas constataram que o objeto era apenas um saco de areia coberto com fita isolante.

O material foi constatado através de um exame de Raio-X feito por agentes do esquadrão. Mesmo assim, de acordo com o cabo Siqueira, o material recolhido será enviado a um local seguro, onde será destruído. Contudo, ele não informou onde seria esse local.

O trabalho de verificação e retirada durou cerca de uma hora.
Quem encontrou o suposto explosivo foi o empresário Ivanildo Tavares. Ele afirmou que viu o objeto estranho próximo ao seu carro, após estacionar o veículo no entorno de um condomínio.

“Fui retirar alguns objetos no porta-malas e foi quando observei o objeto quase do tamanho de um coco envolto a um plástico preto, meia e fitas. Eu achei estranho, toquei com o pé e achei até pesado. Chamei o porteiro e ele decidiu chamar a polícia”, disse.
Ao chegar na rua, a polícia isolou a área, mas o tráfego foi liberado após o recolhimento do objeto.                  

  (Diário do Nordeste)

Comentários