Investigadores encontraram buraco negro 70 vezes maior que o Sol


Um grupo de investigadores chineses diz ter encontrado na Via Láctea um buraco negro com uma massa 70 vezes maior do que a do Sol, conta a CNN.

Para esta descoberta os investigadores usaram o Large Sky Area Multi-Object Fiber Spectroscopic Telescope (LAMOST) da China, o Keck I Telescope dos EUA e o Gran Telescopio Canarias de Espanha, os quais serviram para avaliar as propriedades do buraco negro, que tem como nome LB-1.

O LB-1 encontra-se a uma distância de 15 mil anos-luz da Terra e está desafiando a forma como os especialistas olham para buracos negros. Sobretudo no que diz respeito ao tamanho, dado que anteriormente julgava-se que não haveria um buraco negro com uma massa que fosse mais do que 20 vezes em relação ao Sol.

Fonte Notícias ao minuto

Comentários