Lixão municipal de Juazeiro do Norte é desativado pela prefeitura


Após o Ministério Público do Estado do Ceará ajuizar ação civil pública solicitando a prefeitura de Juazeiro do Norte a desativação do lixão municipal e construção de um aterro sanitário, a gestão municipal resolveu interditar o espaço temporariamente.

Desde o último sábado, dia 01, todo o lixo recolhido na cidade está sendo direcionado para um aterro sanitário privado, da empresa Revert Pró Ambiental, contratada em regime de emergência, com dispensa de licitação. O contrato tem prazo de validade de seis meses, ao custo total de cerca de cinco milhões de reais.

No lixão municipal, será realizado o Plano de Recuperação da Área Degradada (PRAD). A coleta de lixo continuará sendo feita normalmente pela empresa MXM. Com esta medida, o município resolve a problemática ambiental do entorno do lixão municipal.

A intenção da Gestão, além de atender a recomendação do Ministério Público, é fazer com que os problemas que existiam nas proximidades do lixão sejam sanados.Juazeiro do Norte será o pioneiro no serviço na região. “Tendo em vista a problemática que a população do entorno do lixão passa, e sob orientação do Prefeito, iremos dar uma disposição final de forma correta para os resíduos do município”, afirmou o superintendente da Autarquia Municipal de Meio Ambiente (Amaju), Sidney Kal-Rais.

via News Cariri

Comentários