Ministério da Saúde autoriza contratação de 442 médicos para combate ao coronavírus no Ceará


Embora não tenha nenhum caso confirmado de coronavírus, o Estado do Ceará tem unido forças e adotado medidas para dar suporte às eventuais confirmações da doença. Em 96 municípios há carência de atendimento médico nos postos de saúde e, por este motivo, o Governo Federal publicou um edital convocando 442 médicos para atuarem no Programa Mais Médicos, de forma emergencial, reforçando o grupo de atendimento à população cearense durante a pandemia do coronavírus.

As inscrições para atuar no Programa começam nesta segunda-feira (16). Segundo o Governo Federal, a ação tem por objetivo servir de provisão emergencial diante do momento atual. A expectativa é que os médicos já comecem a atuar nos municípios no início de abril.

Dentre as demandas apresentadas pelas próprias cidade, a Capital precisa de 155 médicos, Itapipoca com necessidade de 14 profissionais vem em segundo, seguido por Horizonte (11), Pacajus (11), Cascavel (9), Maracanaú (9) e Barbalha, Maranguape e Viçosa do Ceará com demanda por 7 médicos cada. Na convocação, o Ministério da Saúde disponibiliza recursos para contratar justamente as quantidades solicitadas pelos municípios.

via Ceará Agora

Comentários