OAB-CE recomenda ao Governo Federal o congelamento de preços de produtos para prevenção ao Covid-19


A fim de barrar possíveis abusos no aumento do preço de produtos de higiene pessoal, a Ordem dos Advogados do Brasil no Ceará (OAB-CE) enviou ao Governo Federal um recomenda para que este congele os preços do álcool em gel, vitaminas, máscaras e luvas, em toda sua cadeia produtiva.

O encaminhamento foi aprovado, por unanimidade, durante a realização do V Colégio de Presidentes de Subseções, que ocorre no município de Limoeiro do Norte, distante 202,7 quilômetros de Fortaleza.A proposta é de autoria do presidente da subsecção do Vale do Salgado, Kléber Colares.

O presidente da OAB Ceará, Erinaldo Dantas, destacou a importância da discussão e prevenção do assunto, o mais rápido possível. “Precisamos agir logo. Essa recomendação ao Governo irá, com toda a certeza, beneficiar a população, pois não é possível limitar a compra ou que aumente de forma abusiva os preços como já estão fazendo”, pontuou.

Somente no começo do mês de março, a venda de máscaras e álcool em gel apresentou aumento de até 400% em farmácias do Ceará. À época, quando os primeiros casos ainda estavam aparecendo no País, estoques em estabelecimentos de Fortaleza chegaram a esgotar em menos de 24 horas.

via Ceará Agora

Comentários