Confiança do comércio tem maior queda desde 2010


O Índice de Confiança do Comércio (Icom), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), teve queda de 26,9 pontos na passagem de março para abril deste ano. Com esse, que foi o maior recuo do indicador em toda a série iniciada em abril de 2010, o Icom chegou a 61,2 pontos, em uma escala de zero a 200.

Esse também é o menor patamar do indicador na série.A confiança caiu em todos os seis segmentos pesquisados pela FGV. Houve pioras na confiança dos empresários do comércio tanto em relação ao presente quanto em relação ao futuro.

O Índice de Expectativas, que mede a percepção sobre o futuro, caiu 19,5 pontos e atingiu 63,2 pontos, o menor patamar desde o início da série. Já o Índice de Situação Atual, que mede a opinião dos empresários em relação ao presente, recuou 33 pontos, registrando 60,9 pontos, o segundo menor valor da série histórica, perdendo apenas para outubro de 2015 (58,4 pontos).*Com informações da Agência Brasil

via Ceará Agora

Comentários