Justiça dispensa laudo que atesta negativo para o covid-19 de Bolsonaro


O presidente Jair Bolsonaro foi dispensado de apresentar os laudos dos exames comprovando que teria testado negativo para o coronavírus. A decisão é do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, que tem sede em São Paulo.

Assim, está suspensa a ordem judicial de primeira instância que havia rejeitado a entrega pela Advocacia-Geral da União do relatório médico feito pela Presidência da República.

A mesma determinação havia dado o prazo para que Bolsonaro apresentasse a íntegra dos exames até hoje. Na liminar deste sábado, a desembargadora federal Monica Nobre deu um prazo de cinco dias para que o relator do recurso do governo possa analisar o caso e tomar uma decisão.

O processo que pede a divulgação dos exames do presidente é movido pelo jornal O Estado de São Paulo.

Band News

Postar um comentário

0 Comentários