Trump diz que vai analisar legislação para sancionar China sobre covid-19


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quarta-feira que “certamente” irá analisar projetos de lei que estão sendo discutidos no Congresso americano para sancionar a China devido à forma como Pequim tem atuado na pandemia do novo coronavírus.

O republicano afirmou, também, que ficou surpreso com declarações do diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas, Anthony Fauci, no Parlamento. “Fiquei surpreso com a resposta. Para mim, não é uma resposta aceitável, especialmente quando se trata de escolas”, declarou. Ontem, Fauci disse que os EUA podem enfrentar “mortes e sofrimento desnecessários” caso decidam reabrir a economia muito cedo.

De acordo com a Universidade Johns Hopkins, os Estados Unidos registraram 1.894 mil mortes por coronavírus em 24 horas nesta quarta. De acordo com a instituição, o país soma 82.340 vítimas da covid-19, com 1.369.314 casos de infectados.

Com escalada de mortos por covid-19, a aprovação de Trump despencou, é o que mostra pesquisa Reuters/Ipsos publicada na terça-feira. Dos eleitores registrados, 46% apoiariam o democrata Joe Biden nas eleições americanas, enquanto 38% votariam em Trump.

Foto: Lucas Jackson/Reuters

Fonte: Exame

Postar um comentário

0 Comentários