Covid-19: Medidas restritivas serão mantidas até a próxima semana


Várzea Alegre somou nesta quarta-feira, 10 de junho, 169 casos confirmados de covid-19 e quatro mortes provocadas pela doença.

Com os números crescendo, o Governo de Várzea Alegre, vem tomando medidas para frear o avanço da epidemia no município.

Desde 1º de junho, o município está com medidas restritivas mais duras com bloqueios nas entradas e saídas da cidade e das ruas centrais de Várzea Alegre. A medida era para durar 10 dias, mas foi prorrogada nesta quarta-feira até o dia 16 de junho.

O prefeito Zé Helder, o vice-prefeito Dr. Fabrício Rolim e o secretário de Saúde, Ivo Leal, tiveram na manhã desta quarta-feira, reunião do Gabinete de Crise – formado por representantes de diferentes segmentos da sociedade civil, para avaliar os efeitos das estratégias utilizadas até o momento.

Ivo Leal pontuou que serão intensificadas ações educativas com intuito de garantir prevenção e a proteção da população. “Hoje nós discutimos a questão da intensificação das ações educativas, tendo em vista que a informação, a orientação e o esclarecimento para a população são fundamentais para que todos possam cumprir seu dever enquanto cidadãos de se prevenir, proteger contra o coronavírus”, disse.

Para chegar mais perto do cidadão com essas orientações, o secretário disse que serão utilizados os meios de comunicação, como rádios e redes sociais. “Com essas ações educativas vamos continuar com a divulgação nas rádios, na internet, no dia a dia com atendimento dos profissionais de saúde orientando cada vez mais a população sobre os cuidados”, falou o secretário.

Ivo Leal destacou sua preocupação com os bairros onde os casos cresceram. No Riachinho, são 43 casos confirmados, vindo na sequência os bairros Centro com 24 registros da doença e o Alto do Tenente com 13 casos de covid-19 confirmados. “A gente tem, né, uma preocupação a mais com esses bairros que está dando uma incidência maior de casos positivos, como é o caso do Riachinho e do Centro. Aí a gente vai, a partir da próxima semana, verificar algumas ações com o trabalho dos Agentes de Endemias, Agentes de Saúde e voluntários. Vamos intensificar algumas ações educativas dentro dos bairros com maior número de casos para que a gente possa estar cada vez mais orientando na população, com vistas a essa questão da proteção e conter o avanço do vírus aqui no território”, disse.

Na próxima semana, a partir de terça-feira, 16, O Governo de Várzea Alegre tomará algumas decisões relativas à reabertura gradativa do comércio varzealegrense. “Em relação ao comércio, quanto à reabertura que já acontece no Ceará, ou seja, já começa um período de transição, abrindo gradativamente, até terça-feira tudo continua como está. Na terça, teremos mais uma reunião do Gabinete de Crise para tomar essa decisão em relação reabertura de algumas ruas como também a reabertura gradativa do comércio local. A gente sabe que a economia está prejudicada, mas também a gente tem que ver que é uma questão de saúde pública e nós precisamos é ter essa questão em mente que a saúde e a proteção das famílias são mais importantes”, disse.

Reportagem: Marco Filho

Foto: Leandro Correia

Fonte: Assessoria de Comunicação

Comentários