“Me senti a mulher mais feliz do mundo”, diz mãe de bebê recuperado de covid-19


Com apenas quatro meses de vida, João Lucas Farias já tem uma história de superação. O pequeno recebeu alta do Hospital Infantil Albert Sabin (HIAS), da rede pública da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), do Governo do Estado, no dia 15 de maio, após conseguir vencer a Covid-19.

“Me senti a mulher mais feliz do mundo”, definiu Fabiana Farias, 22, mãe do garoto. Os sentimentos de alegria e alívio, no entanto, foram antecedidos por momentos de angústia. Antes de recuperar-se da doença, João ficou dezesseis dias internado no HIAS. Um período difícil para a família da criança. “Estava muito preocupada, cheguei a passar mal. Tanto que foi preciso a madrinha dele, a minha irmã, trocar comigo para acompanhar o João Lucas”, conta Fabiana.

Coube à Regilane Silva, madrinha de João, a feliz tarefa de levar o menino para casa. A alta do garoto foi festejada pela equipe do bloco F do Hospital, onde são atendidos crianças e adolescentes com suspeita ou confirmação de coronavírus. “Temos só a agradecer a toda a equipe do Albert Sabin, que cuidou tão bem do João Lucas desde que ele entrou”, ressalta.

No dia 23 de maio, João completou mais um mês de vida. Dessa vez, recuperado e ao lado da família, que celebrou a saúde do bebê. “Ele está comendo bastante, e mama muito. Não perdeu a fome de jeito nenhum”, disse Fabiana entre sorrisos.

Eficiência no combate ao coronavírus
Devido à pandemia de coronavírus, o Hospital Infantil Albert Sabin se preparou para o enfrentamento à doença. Ao todo, foram destinados 46 leitos de enfermaria e oito de UTI. A unidade também modificou o fluxo no Centro de Emergência para receber crianças e adolescentes com sintomas de Covid-19 ou com outras doenças.

Texto: Filipe Dutra – Ascom Hospital Infantil Albert Sabin

Artes: Jeorge Farias

Fonte: Governo do Estado do Ceará

Postar um comentário

0 Comentários