Campanha do governo vai pedir para brasileiros consumirem menos energia e água


O governo fará campanha para incentivar a diminuição do consumo de água e energia entre a população brasileira. A informação foi dada pelo Valor Econômico e explica que a iniciativa acontece em meio ao estado de alerta por conta da baixa nos reservatórios pelo país, principalmente nas regiões Sudeste e Centro-Oeste.

De acordo com a publicação, a campanha já foi aprovada por Jair Bolsonaro e está sendo produzida pela Secretaria de Comunicação Social (Secom). Com previsão para ser veiculada a partir de segunda-feira (14), a peça publicitária deve ter inserções em rádio e TV, além das redes sociais. 

Bandeira

Nos últimos dias, a Agência Nacional de energia Elétrica (Aneel) delimitou o uso da bandeira vermelha faixa 2 em vermelho, o que significa cobrança extra de R$ 6,24  para cada 100 quilowatts-hora consumidos. A medida teria sido tomada em razão da quantidade de água que sai da hidrelétrica de Sobradinho, no Rio São Francisco, que sofreu redução. Até o momento, a situação no Nordeste é considerada menos grave.
Atualmente, motivo da preocupação do governo, os reservatórios do subsistema Sudeste/Centro-Oeste estão com 16,45% da capacidade, nível mais baixo desde 2014 para este período do ano.
Estes espaços de armazenamento correspondem a cerca de 70% da capacidade do Brasil. 
ChuvasNo mês de outubro, segundo o Operador Nacional do Sistema (ONS), as chuvas no Sudeste/Centro-Oeste chegaram ao pior índice em 90 anos e estavam em 37% da média histórica para dezembro. 
Ainda de acordo com material do Valor Econômico, o monitoramento diário realizado pelos órgãos apontou tendência de chuvas mais fortes nos próximos meses.

Foto: Reprodução
Fonte: Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários