Estados e municípios criam páginas com dados diários da vacinação


A vacinação contra a covid-19 teve início há pouco mais de um mês e para auxiliar no acompanhamento do número de pessoas vacinadas, os governos estaduais e municipais passaram a divulgar um “vacinômetro”.

A página é uma espécie de banco de dados que registra, entre outras informações a quantidade de quem já tomou algum tipo de imunizante contra a doença, locais de vacinação e os grupos que estão sendo vacinados.

Também é possível obter as informações por município.
O Ministério da Saúde disponibiliza também uma ferramenta com informações sobre o registro das doses aplicadas da vacina.

Os dados sobre as coberturas vacinais podem ser acessados por meio de um painel on-line, no LocalizaSUS (https://ift.tt/32Wugnz).

O cidadão pode acompanhar, pela internet, o panorama de aplicação das vacinas por estado e nas capitais. Em alguns casos, entretanto, as informações não estão atualizadas.

Acre (AC) – Na página (https://ift.tt/3qHosrg) é possível ter acesso ao boletim do governo com dados sobre a campanha de vacinação.

Rio Branco – Na página (https://ift.tt/3qIb1qU) possível ter acesso ao boletim da prefeitura com dados sobre a campanha de vacinação.

Alagoas (AL) –(https://ift.tt/3bgXy0V)

Maceió – A prefeitura não disponibiliza um vacinômetro.

Amapá (AP) – (https://ift.tt/3bkKCco)

Macapá – (https://ift.tt/37wF39n)

Amazonas (AM) – O estado disponibiliza as informações sobre a vacinação na página (https://ift.tt/3qFT9wN).

Manaus – A prefeitura criou um vacinômetro para divulgar o número de pessoas vacinadas (https://ift.tt/3blDZXb)

Bahia (BA) – No estado, é possível acompanhar as informações sobre a vacinação na página (https://ift.tt/3ta57Aj

Salvador – A capital também tem um portal onde é possível acompanhar a quantidade de pessoas vacinadas. (https://ift.tt/3sbisHl)

Ceará (CE) – O vacinômetro está disponível na página (https://ift.tt/3pCSCLD).

Fortaleza – Na capital, o vacinômetro pode ser acessado na página (https://ift.tt/3qF6Vjd).

Distrito Federal (DF) – O vacinômetro do DF está disponível na página (https://ift.tt/3qDFpCB)

Espírito Santo (ES) – O vacinômetro está disponível na página (https://ift.tt/3aA3FzZ)

Vitória – (https://ift.tt/2ZyIlom)

Goiás (GO) – Na página (https://ift.tt/3seomb0) é possível obter informações sobre a vacinação o estado.

Goiânia – a capital não dispõe de uma página com dados sobre vacinação.

Maranhão (MA) – O vacinômetro está disponível na página (https://ift.tt/3aA3FQv)

São Luís – Na página (https://ift.tt/2M6UAoX) é possível acessar os dados sobre a vacinação na capital.

Mato Grosso (MT) – O estado não possui um vacinômetro com informações sobre as doses já aplicadas.

Cuiabá – (https://ift.tt/2OY8qv1)

Mato Grosso do Sul (MS) – O vacinômetro pode ser acessado pela página (https://ift.tt/3kaNdtd)

Campo Grande – A prefeitura não dispõe de uma página com informações sobre a vacinação.

Minas Gerais (MG) – O vacinômetro está disponível na página https://ift.tt/3sfERmP

Belo Horizonte- (https://ift.tt/3pCYQKz)

Pará (PA) – O vacinômetro pode ser acessado na página https://ift.tt/2ZA1PZG

Belém – A prefeitura não dispõe de uma página com informações sobre a vacinação.

Paraíba (PB) – O vacinômetro pode ser acessado aqui (https://ift.tt/2NeUT1L)

João Pessoa – (https://ift.tt/3aE75C6)

Paraná (PR) – O estado não disponibiliza um vacinômetro para acompanhar a evolução da vacinação. Informações sobre a vacinação podem ser obtidas na página https://ift.tt/2NeUT1L

Curitiba – A prefeitura não possui uma página com dados sobre a vacinação contra a covid-19.

Pernambuco (PE) – O governo do estado não disponibiliza um vacinômetro para acompanhar a evolução da vacinação.

Recife –  https://ift.tt/3dzhaBY
Piauí (PI) – O vacinômetro pode ser acessado aqui (https://ift.tt/3aC7iFJ)

Teresina – A prefeitura disponibiliza a página (https://ift.tt/2ZyAUgR) com dados sobre a vacinação.

Rio de Janeiro (RJ) – O vacinômetro pode ser acessado aqui (https://ift.tt/2NEwZfQ)

Rio de Janeiro – https://ift.tt/3k6j1iY

Rio Grande do Norte (RN) – O estado possui uma página, a RN + Vacina (https://ift.tt/2NN9y3O). A página também é uma espécie de cartão de vacinas virtual, onde é possível monitorar as doses aplicadas.

Natal – (https://ift.tt/3hxYeCS)

Rio Grande do Sul (RS) – O vacinômetro está disponível aqui  https://ift.tt/3ub6Nu9

Porto Alegre – o vacinômetro pode ser acesso aqui https://ift.tt/2M6IoVe

Rondônia (RO) – O vacinômetro está disponível na página https://ift.tt/3k3bfXa

Porto Velho – O vacinômetro (https://ift.tt/3qD6zd1) do município registra apenas as vacinas aplicadas nos profissionais de saúde.

Roraima (RR) – O vacinômetro com informações sobre a aplicação das doses do imunizante pode ser acessado aqui (https://ift.tt/3k7hYzt)

Santa Catarina (SC) – O portal (https://ift.tt/2ZAbcJ2) traz informações sobre a vacinação no Estado.

Florianópolis –  https://ift.tt/2TCCwUd

São Paulo (SP) – O governo do estado (https://ift.tt/393xokp) tem um vacinômetro que pode ser acessado aqui (https://ift.tt/2NgcF4N)

São Paulo – a capital não dispõe de um vacinômetro, mas tem uma página onde é possível realizar o agendamento para receber o imunizante (https://ift.tt/2LMcyNp).

Sergipe (SE) – O dados sobre vacinação no estado podem ser obtidos acessando a página (https://ift.tt/3bkKvO0).

Aracaju – o município não possui um vacinômetro.

Tocantins (TO) – No estado, os dados sobre vacinação podem ser acessados aqui (https://ift.tt/37vHKZ5)

Palmas – O município não possui um vacinômetro.

📸 © Tânia Rêgo/Agência Brasil

Fonte: Agência Brasil

Postar um comentário

0 Comentários