Ceará recebe nesta sexta-feira 38 mil doses da vacina CoronaVac para aplicação da 2ª dose, diz Camilo


O Ceará recebe nesta sexta-feira (7) 38 mil doses da vacina CoronaVac, para aplicação da segunda dose do imunizante contra a Covid-19. A informação foi anunciada pelo governador Camilo Santana, em publicação nas redes sociais.

“O Ceará receberá ainda hoje 38.000 doses da vacina CoronaVac, com previsão de chegada às 22h, de acordo com documento enviado pelo Ministério da Saúde. As vacinas serão utilizadas para a segunda dose dos cearenses”, escreveu Camilo.

O voo com os imunizantes, segundo Camilo, tem previsão de chegar ao aeroporto de Fortaleza às 22h, de acordo com documento enviado pelo Ministério da Saúde.
Na manhã de ontem, 45 cidades comunicaram à Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) que estão sem estoque da vacina CoronaVac para realizar a aplicação da segunda dose.

“Inclusive, o Estado já havia ganho na Justiça o direito de receber mais doses da vacina para aplicação da D2. Continuamos na luta por mais vacinas para todos os irmãos e irmãs cearenses”, destacou Camilo na postagem de hoje.

Veja lista das cidades:

Fortaleza

Sobral

Várzea Alegre

Irauçuba

Itapiúna

Icó

Horizonte

Missão Velha

Barbalha

Paraipaba

Quixadá

Farias Brito

Assaré

Abaiara

Icapuí

Orós

Cariús

Moraújo

Cedro

Groaíras

Itatira

Reriutaba

Lavras da Mangabeira

Quiterianópolis

Jucás

Piquet Carneiro

Forquilha

Massapê

Alcântaras

Marco

Canindé

Jardim

Itapiúna

Jucás

Nova Russas

Palmácia

Madalena

Paramoti

Bela Cruz

Nova Olinda

Graça

Tauá

Paramoti

Milhã

Crato

Na terça-feira (4), pelo menos 13 cidades que solicitaram reforço de CoronaVac à Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa) começaram a receber os imunizantes, porém as doses não foram suficientes para a demanda das cidades.

Entre elas está Fortaleza, que um dia antes retomou a vacinação com o imunizante. Na ocasião, a secretária de Saúde do município Ana Estela Leite, alertou que, devido ao estoque baixo, apenas as pessoas que estivessem com agendamento prévio deveriam procurar os centros de vacinação da capital.

Foto: Instituto Butantan/Divulgação

Fonte: Portal G1 CE

Postar um comentário

0 Comentários