Novo lote de vacinas contra Covid chega nesta quinta-feira ao Ceará; estado recebe outras 41 mil vacinas nesta sexta


Aterrissou em Fortaleza na noite desta quinta-feira (13) uma nova leva de vacinas contra a Covid-19. No total, são 173.750, sendo 70 mil delas de CoronaVac, e as outras 103.750 de AstraZeneca.

Por meio das redes sociais, o governador Camilo Santana (PT) informou ainda que mais 41.600 doses de CoronaVac chegarão na manhã desta sexta-feira (14), por volta das 11h40.

A remessa de CoronaVac recebida nesta quinta será usada exclusivamente para a segunda dose daqueles municípios que sofreram atraso na imunização pela falta da vacina. Para isso serão distribuídas 26.150 doses do imunizante. O restante será mantido pela Sesa como reserva estratégica.

A vacina AstraZeneca, por sua vez, será distribuída entre os 184 municípios cearenses, para a vacinação de pessoas com comorbidades.

CoronaVac para 2ª dose

Após recomendação do Ministério Público Estadual (MPCE), a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) decidiu que a nova remessa com 70 mil doses de CoronaVac que chega ao Ceará nesta quinta-feira (13) vai ser utilizada somente para a aplicação da segunda dose em quem está com a vacinação em atraso por falta do imunizante no estado.

“A vacinação contra Covid-19 em gestantes e puérperas no interior do estado fica paralisada, pois, além da recomendação do MP quanto à CoronaVac, a aplicação de AstraZeneca segue temporariamente suspensa para este grupo e as doses de Pfizer são direcionadas somente à Fortaleza, conforme preconizou Ministério da Saúde”, informou a Pasta em nota na noite desta quinta-feira.

Mais cedo, a Sesa havia comunicado que grávidas e puérperas também seriam beneficiadas com o lote da vacina, mas a medida foi cancelada após a Ação Civil Pública, movida também pelos Ministérios Público Federal e do Trabalho.

A Sesa informou ainda que no dia 20 de março, enviou memorando aos 184 municípios cearenses orientando expressamente que não usassem seus estoques de dose 2 da CoronaVac como dose 1.
As 70 mil doses de CoronaVac superam a demanda de 25 mil vacinas em atraso na segunda dose. Entretanto, a recomendação é para que as vacinas sobressalentes sejam guardadas, para evitar que haja novamente o problema da falta de imunizantes.

Pessoas com comorbidades

Além da remessa de CoronaVac, o Ceará também recebe nesta quinta-feira mais 103.750 doses da AstraZeneca. O imunizante será distribuído entre todos os municípios para vacinar pessoas com comorbidades.

A Sesa reforçou que Fortaleza não deverá receber primeira dose (D1) de Coronavac para aplicação nas gestantes e puérperas, porque é o único município que recebeu a vacina da Pfizer/BioNTech.

O órgão informa ainda que, durante reunião com os membros do Centro de Operações de Emergência (COE), nesta quinta, foram deliberados alguns pontos em relação à vacinação desse grupo.

Evidências científicas mais recentes, além de dados epidemiológicos acerca da segurança das vacinas utilizadas no Brasil para imunização de gestantes e puérperas, foram apresentadas para fundamentação e alinhamento; também foram colocadas informações epidemiológicas relevantes quanto ao risco de exposição desse grupo ainda não vacinado contra a Covid-19.
A Sesa lembra ainda que, até o momento, não foram notificados eventos adversos graves potencialmente associados a qualquer modalidade de vacina.

Confira as deliberações sobre a vacinação:

Acatar a recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) por meio do Comunicado GGMON 005/2021 e aguardar próximo pronunciamento da Agência e do Ministério da Saúde (MS) quanto à conclusão da investigação do evento adverso grave potencialmente associado à vacina Oxford/AstraZeneca/Fiocruz, ocorrido no município do Rio de Janeiro, envolvendo uma gestante;

Gestantes e puérperas com e sem comorbidades continuarão sendo consideradas como pertencentes a grupo prioritário para vacinação contra Covid-19 em todo o Ceará;

Até a conclusão da investigação do evento adverso grave potencialmente associado à vacina Oxford/AstraZeneca/Fiocruz, a vacinas indicadas para as gestantes e puérperas são CoronaVac/Sinovac e Pfizer;

Destaca-se que, em um cenário de escassez ou irregularidade no fornecimento de vacinas, as gestantes deverão ser vacinadas prioritariamente, em relação às puérperas.

Segunda dose de CoronaVac para idosos

Um total de 19 municípios do Ceará vai receber vacinas para aplicar a segunda dose de idosos, com o lote que chega nesta quinta.
Confira a lista dos 19 municípios que vão receber vacina da Coronavac:

Fortaleza

Maranguape

Pacatuba

Guaiuba

Barreira

Acarape

Nova Russas

Cedro

Cruz

Eusébio

Jaguaruana

Pires Ferreira

Juazeiro do Norte

Itarema

Antonina do Norte

Ipaporanga

Baturité

Araripe

Quiterianópolis

Ao todo, o Ceará vai enviar 25.702 doses para os municípios que documentaram através de ofício a falta da vacina Coronavac.

Foto: Divulgação/Governo do Ceará

Foto: Portal G1 CE

Postar um comentário

0 Comentários