Soldado Welton Inácio é mais um jovem militar vítima da Covid no Cariri


O Soldado Welton Inácio, de 31 anos, que era lotado na 2ª Companhia do 2º BPM (Batalhão Policial Militar) com sede em Barbalha morreu por volta das 9 horas desta segunda-feira (28/06), num dos leitos de UTI do Hospital Santo Antônio, naquele município. Ele foi mais uma vítima de complicações decorrentes da Covid-19 na região do Cariri, o qual estava internado há 33 dias desde que testou positivo para a doença. Nos últimos dias esteve entubado em virtude de problemas respiratórios.

O corpo do Soldado PM Welton Inácio foi sepultado na tarde desta segunda-feira no Cemitério de Cedro (PE), onde nasceu. Há seis anos o mesmo tinha ingressado nos quadros da Polícia Militar cearense e passou a morar em Barbalha há três meses.

O Comandante em Exercício da Companhia de Barbalha, Tenente Henoch, lamentou a morte do colega de farda para quem era um dedicado profissional da área de segurança pública que atuou em diversas operações de combate à criminalidade no Cariri.

No último dia 3 de junho um integrante da mesma equipe de Welton já tinha morrido em consequência do coronavirus em Barbalha. Apesar da luta do Sargento Brito e o esforço da equipe médica, ele não conseguiu vencer a Covid. Já neste domingo (27), morreu o Soldado do Corpo de Bombeiros Edicleytson Perinks de Almeida, de 36 anos num dos hospitais de Juazeiro igualmente por conta da Covid. Este era acadêmico de Medicina e teve o corpo sepultado no Cemitério Parque Anjo da Guarda.

Foto: Divulgação
Fonte: Site Miséria

Postar um comentário

0 Comentários