Ford vai encerrar fabricação de jipes Troller em setembro


A Ford informou nesta segunda-feira (9), que vai encerrar a produção de veículos Troller no Ceará em Horizonte, na Região Metropolitana de Fortaleza, em setembro. A produção de peças na unidade segue até novembro
A fábrica havia anunciado em janeiro que encerraria a produção de veículos em suas fábricas no Brasil. A montadora mantinha fábricas em Camaçari (BA) e Taubaté (SP), para carros da Ford, e em Horizonte (CE), para jipes da marca Troller.

Em janeiro deste ano, a empresa havia afirmado que manteria a linha de montagem da marca Troller até o terceiro trimestre deste ano.
A unidade da Ford em Horizonte manufatura peças em fibra de vidro, soldagem, aplicação de adesivos estruturais com a utilização de robôs; conta com máquinas com capacidade de medição de uma carroceria completa do veículo; tem linha de montagem com verificação de funções eletrônicas do veículo.

Negociações com compradores

A Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho do Estado do Ceará (Sedet) disse que foi “surpreendida” com a notícia do fechamento da fábrica da Troller. Segundo a pasta, desde janeiro, os Governos Estadual e Federal acompanham as negociações buscando prováveis compradores.

A Sedet afirmou que o estado monitorou as tratativas, sem interferência, e se manteve entusiasmado com a finalização comercial até julho, quando o processo se afunilou com três possíveis compradores e a Ford disse estar sendo atendida, do ponto de vista dos acertos comerciais.

A secretaria também disse que na segunda-feira o diretor institucional da Ford no Brasil, Rogério Goldfarb, informou por telefone ao titular da Sedet, Maia Júnior, a suspensão das negociações alegando decisões da matriz americana que havia contratado empresa especializada em fusões e aquisições para o processo.

A pasta afirmou ainda que a decisão da Ford é seguir com a venda da Troller sem negociar marca e design de produtos, diferentemente do que foi anunciado em janeiro deste ano.
“Continuaremos firmes na busca de entendimentos para que a Ford reflita que esta posição tomada pela matriz é indesejada por nós. A marca Troller não é mundial, foi criada por cearenses. Esperamos que a Ford americana e a do Brasil não prejudiquem o desenvolvimento do Ceará e os trabalhadores cearenses”, disse o secretário Maia Júnior.

Sobre o pronunciamento do Governo do Estado a fábrica Ford disse que não iria se manifestar

Foto: Divulgação

Fonte: Portal G1 CE

Postar um comentário

0 Comentários