Raposa vermelha agora está na lista de animais em extinção


A raposa vermelha de Sierra Nevada, uma espécie rara da Califórnia cuja população está diminuindo drasticamente, foi listada como ameaçada de extinção.

O Serviço de Pesca e Vida Selvagem dos EUA (FWS) anunciou em um comunicado à imprensa na segunda-feira (2) que a população de raposas em Sierra Nevada, que consiste apenas de 18 a 39 indivíduos, receberá proteção sob a Lei de Espécies Ameaçadas.

As raposas agora vivem apenas na Sierra Nevada da Califórnia e no sul da cordilheira Cascade de Oregon e Califórnia. A população de raposas vermelhas de Sierra Nevada no sul da cordilheira Cascade não será listada como ameaçada de extinção, de acordo com o comunicado à imprensa.

“Nossos parceiros estão implementando práticas de conservação que ajudarão a minimizar a fragmentação da floresta e limitar as atividades que poderiam perturbar as tocas dessas raposas raras”, disse Paul Souza, diretor regional do FWS Califórnia — região da Grande Bacia, em um comunicado . “Suas ações são fundamentais para a recuperação da espécie”.

A raposa vermelha de Sierra Nevada enfrenta várias ameaças, incluindo incêndios florestais, secas e competição com coiotes, de acordo com o comunicado. Devido à “diminuição no número de presas e hibridização generalizada com raposas não nativas”, a espécie se encontra vulnerável, disse o FWS.

O aviso do Federal Register listou cinco razões para declarar a espécie em perigo: uma ameaça ao seu habitat, superutilização para vários fins, incluindo comerciais e recreativos, doenças ou predação, sistemas regulatórios inadequados e outros fatores naturais ou artificiais que ameaçam a população. A regra entra em vigor a partir de 2 de setembro de 2021.

As raposas solitárias são extremamente difíceis de rastrear e raramente encontradas. Quando a raposa foi avistada no Parque Nacional de Yosemite em 2015, Don Neubacher, o superintendente do parque na época, chamou a espécie de “um dos animais mais raros e evasivos da Sierra Nevada.”

De acordo com um informativo do Serviço Florestal dos Estados Unidos, a raposa vermelha de Sierra Nevada vive em habitats remotos e acidentados.

“A raposa vermelha de Sierra Nevada é especialmente adaptada ao seu habitat subalpino nativo, caracterizado por neve pesada, estações curtas de cultivo e uma mistura de áreas abertas e florestais”, disse o comunicado. “Apesar do nome, as raposas vermelhas de Sierra Nevada podem ser principalmente vermelhas, principalmente pretas ou uma fase cruzada marrom acinzentada.”

Não se sabe por que a população desta espécie específica diminuiu tão drasticamente. Seu pêlo vermelho brilhante já fez deles um alvo popular para a caça, mas isso foi descartado como um fator, diz o Serviço Florestal, observando que a caça e a captura deles foram proibidas em 1974.

Foto: National Park/Divulgação / Fonte: CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários