Cafeteria de Juazeiro faz degustação de “café em creme” nesta sexta, 01


Evento acontece na Kava Cafeteria da Lagoa Seca e será aberto ao público.

Você que ama café, se liga que tem novidade na Kava Cafeteria, localizada no bairro Lagoa Seca, em Juazeiro do Norte. Nesta sexta-feira, 01, a partir das 16h, acontecerá uma degustação do Café Caramello, o primeiro café em creme do Brasil.

O proprietário do estabelecimento, Jerônimo Freire, convida imprensa, clientes e público em geral para essa experiência maravilhosa. O produto está disponível nos sabores tradicional, rum, morango, baunilha, amarula, menta, chocolate e black. Vale destacar que é zero glúten, lactose, e sódio, além do mais não possui conservantes, gorduras e estabilizantes.

*Consumo do produto*

O café é o queridinho dos brasileiros. Segundo a Euromonitor International em 2020 cada brasileiro consumiu 826 xícaras, cerca de 2 xícaras por dia, e gastou R$ 127,20 durante o ano com o produto. Um consumo per capita de 4,79 kg de café torrado por habitante por ano. No total, consumimos 814 mil toneladas de café, o que significa um crescimento de 2,1% em relação ao consumo de 2019. O café emprega no país cerca de 3,5 milhões de pessoas. Um número grande de pessoas dependendo diretamente e indiretamente do produto.

*Faturamento*

No mercado interno, o café gerou mais de R$ 27 bilhões em negócios no ano passado. O faturamento desse mercado no Brasil, incluindo todas as categorias e formatos de café, contou com um crescimento de 64% nos últimos cinco anos. O que significa que o produto tem ganhado valor agregado no mercado interno.

Existem 1.535 indústrias dedicadas à torrefação de café no Brasil. A maioria está localizada no Sudeste, região que concentra a maior parte da produção cafeeira do país. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria do Café (ABIC) em 2020 foi comercializada mais de 1 milhão de toneladas de café torrado.

A Euromonitor contabiliza mais de 18 mil cafés no país. Nessa categoria, a empresa especializada em inteligência de mercado inclui todos os negócios que servem café e comidas, com atendimento em balcão. O CNC estima que cerca de 15% da produção de café no Brasil já seja de cafés especiais, cerca de 8 milhões de sacas. Os outros 55 milhões de sacas são de outras categorias de café. Já o consumo de cafés especiais no Brasil é de 1,2 milhões de sacas, segundo o Rabobank.

Assessoria Commonike

Inicial

Postar um comentário

0 Comentários