Dermatologista do Cariri participa de ação com palestra e consultas sociais para mulheres com câncer grupo “Rosas Cariri”


 

Ação visa contribuir com a causa do outubro rosa, que termina neste final de semana

O tratamento para curar o câncer agride muito a pele, as unhas e os cabelos das pacientes. Então, no encerramento do outubro rosa, a médica dermatologista Renata Férrer proporcionou um momento de conversa que abordou alterações de pele, cabelos e unhas relacionadas ao tratamento do câncer de mama, além de realizar consultas com aproximadamente 10 integrantes do grupo Rosas do Cariri. O objetivo principal foi avaliar a saúde da pele dessas mulheres que se encontram em tratamento ou que já finalizaram.

“Nesse mês de conscientização em relação a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama, todos nós profissionais da saúde podemos de alguma maneira contribuir e nos envolver nessa causa para que esse tema seja muito discutido e chegue ao maior número possível de mulheres e que assim elas se atentem da importância de fazer o exame e procurar sempre ajuda profissional”, disse Renata.

A enfermeira Maria Senilda descobriu o câncer de mama esse ano e está em processo de tratamento. Ela entrou no grupo Rosas do Cariri há uma semana. “Todas as pessoas que passam pelo processo de quimioterapia percebem muitas alterações e temos várias dúvidas quanto a isso. Então nada como a orientação de um profissional dermatologista para nos deixar mais confiantes, indicando o que a gente pode usar e o que vai realmente melhorar. Então foi muito importante e louvável esse trabalho”, disse.

 

Ledy Linhares, idealizadora do grupo Bonitas do Cariri, destaca que a inciativa de Dra. Renata faz com que elas possam ter um nosso dia a dia melhor. A também idealizadora, Solange, aponta que está imensamente feliz. “Quem já teve câncer sabe a importância de como a pele, o cabelo e as unhas se transformam após o uso da medicação. Só temos a gradecer por ela se dispor a ter esse cuidado conosco”, apontou.

Assessoria  commonike

Postar um comentário

0 Comentários