Casa da Mulher Cearense firma parceria com prefeituras do Cariri


Inaugurada no início deste mês de março, a Casa da Mulher Cearense Arlete de Souza Negrão é a primeira instalada no interior do Estado. Nas últimas semanas, o equipamento coordenado pela Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS) vem oficializando parcerias com as prefeituras do Cariri, através da assinatura do Termo de Adesão pelos 29 municípios da Região do Cariri.

“Ver esta Casa construída e atendendo as mulheres do Cariri com todo respeito e acolhimento que elas merecem nos enche de orgulho e satisfação. Esta Casa é a prova viva de que quando se faz política pública com comprometimento é possível mudar a vida das pessoas e auxiliá-las na busca por sua liberdade e autonomia”, destacou a secretária-executiva de Politicas para Mulheres, Denise Aguiar, que visitou recentemente a Casa e conversou com gestores da região.

Além da parceria com as prefeituras, a Secretaria Executiva de Políticas para Mulheres articulou ações conjuntas com o Grupo de Apoio às Vítimas de Violência (Gavv) e com universidades públicas da região, fortalecendo a rede de atendimento e acolhimento às mulheres em situação de violência.

A frente da capacitação da equipe que está atuando no novo equipamento, Daciane Barreto, coordenadora da Casa da Mulher Brasileira lembra que este primeiro mês tem sido intenso e importante no sentido das parcerias que a Casa vem consolidando para levar um atendimento humanizado e eficiente ao público que procura seus serviços.

“Temos tido muitas trocas neste primeiro mês e vou sair daqui com a certeza de que estamos deixando uma equipe de ponta, muito preparada para dar o melhor atendimento, com todos os cuidados e acolhimento às mulheres cearenses que aqui chegarem”, destacou Daciane Barreto.
A Casa da Mulher Cearense fica localizada em Juazeiro do Norte, no bairro São José, na Avenida Padre Cícero, nº 4501. A nova unidade teve um investimento de R$ 4.373.330,51 através do Programa de Apoio às Reformas Sociais (Proares III), compreendendo uma área total de 1.752,78 m².

A Casa é resultado da interiorização das políticas para as mulheres no Estado do Ceará e tem como inspiração a Casa da Mulher Brasileira, concentrando em um único lugar serviços especializados e integrados para atender diversos tipos de situações e auxiliar as mulheres na quebra do ciclo da violência. O espaço ficou dividido por blocos, com setor Administrativo, Delegacia, Tribunal, Atendimento Psicossocial, Ministério Público, Defensoria, Apoio, Auditório, pátio interno, Brinquedoteca, Refeitório, Vestiários, Depósito, Estacionamentos e áreas de Jardins e Passeios.

Municípios contemplados

Abaiara, Altaneira, Antonina do Norte, Araripe, Assaré, Aurora, Barbalha, Barro, Brejo Santo, Campos Sales, Caririaçu, Crato, Farias Brito, Granjeiro, Jardim, Jati, Juazeiro do Norte, Lavras da Mangabeira, Mauriti, Milagres, Missão Velha, Nova Olinda, Penaforte, Porteiras, Potengi, Salitre, Santana do Cariri, Tarrafas e Várzea Alegre.

Foto: Ariel Gomes / Fonte: Gov. Estado

Postar um comentário

0 Comentários