Raio assusta ciclistas durante temporal no Ceará


Dois ciclistas tomaram um susto durante um temporal em Iguatu, no interior do Ceará, nesta sexta-feira (25). Os dois passeavam quando começou uma chuva acompanhada de vento forte, raios e trovões. Um raio atinge o solo perto de onde eles estavam.

“Pense num susto grande. Saímos para pedalar, estava limpo o tempo. Quando a gente voltou é que ficou fechado. Peguei o celular e comecei a gravar quando aconteceu o raio. Deixou a gente com muito medo”, afirma Denilson Gomes.

Com o susto, Denilson chega a se desequilibrar da bicicleta. Ele e um amigo sofreram um choque nas mãos, mas não se feriram e estão bem.

Iguatu registrou um temporal com centenas de raios entre quinta e sexta-feira. Um deles, filmado pelo comerciante Alan Barbosa, chegou a iluminar o céu da cidade (assista no vídeo acima).

“Foi um raio grande e bonito, mas ninguém se feriu, não destruiu nada”, afirma.

Iguatu teve uma chuva de 53 milímetros na madrugada desta quarta, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos. Houve chuva em municípios de todas as regiões do estado com intensidade de raios e trovões.

Dois raios no mesmo lugar

Na mesma região, no ano passado, um raio atingiu uma fazenda e matou gado. O fazendeiro instalou um para-raio para evitar novos acidentes. “Do lado direito do vídeo tem uma hora que eu filmo uma casa com uma caixa d’água com um para-raio. A gente acredita que esse raio caiu exatamente nessa caixa d’água”, diz o ciclista.

Cuidados em casa durante tempestade:

Evitar o uso do celular, secador de cabelo, ferro elétrico e outros aparelhos conectados à tomada; Evitar uso de chuveiro ou torneira elétrica;

Evitar consertos de instalações elétricas;

Se possível, permanecer em casa enquanto a tempestade durar.

Cuidados fora de casa durante tempestade:

Evitar contato com objetos metálicos, como cercas de arame, tubos metálicos e principalmente linhas telefônicas ou elétricas;

Evitar estar em locais como campos abertos, piscinas, lagos, praias, árvores isoladas, postes e locais elevados.

Foto: José Monteiro/SVM / Fonte: G1 CE

Postar um comentário

0 Comentários