Preso em São Paulo homem apontado como intermediário das mortes de ex-vereador Amarílio Pequeno e do policial civil Dedé Bezerra


Um dos homens mais procurados no Ceará foi preso em São Paulo, nesta terça-feira (26). Damião Érico Cavalcante Nicolau (35), mais conhecido pelas alcunhas “Damiãozinho”, “Gaspar”, “Vela” ou “Gringo”, é acusado de vários crimes e tinha cinco mandados de prisão preventiva decretada. Entre os crimes atribuídos, está o duplo homicídio em que foram vítimas o ex-vereador de Juazeiro do Norte e advogado Amarílio Pequeno da Silva (52), e o policial civil José Alves Bezerra, o “Dedé da Civil”, então com 56 anos. O crime ocorreu em 20 de setembro de 2010, na praça do Giradouro.

Damião Érico foi preso em São Paulo com 140 kg de insumos para fabricação de droga.

Às 15 horas desta quarta-feira (27), a Polícia Civil irá dar mais informações acerca dos crimes e da prisão de Damião, na sede da SSPDS, em Fortaleza.

Segundo os autos, Damião Érico teria sido responsável pela contratação do pistoleiro Tiago Pernambuco, condenado a 60 anos de prisão e Paulo Victor Lopes (executor do plano). Os dois estão presos.

Com a prisão de Damião Érico, a Polícia espera agora, finalmente, poder chegar ao mandante das mortes. No entanto, nos autos já consta que o alvo seria apenas Amarílio Pequeno. Dedé Bezerra foi morto ao tentar impedir a morte do amigo.

Flavio Pinto News

Postar um comentário

0 Comentários