Após suposto tiroteio, morre um dos criminosos mais procurados do CE




Um homem foi morto durante suposta troca de tiros com policiais do Ronda do Quarteirão, no início da manhã de ontem, na BR-116, no bairro Cajazeiras. Segundo a Polícia Militar, Francisco Edineudo Alves Maia, 29, estava sendo perseguido por uma viatura quando colidiu o carro contra um poste na alça do viaduto que dá acesso à avenida Frei Cirilo. Ele teria descido do carro atirando contra os PMs, foi baleado e morreu no local. Edineudo era fugitivo da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DRF) e estava na lista dos mais procurados do Ceará.

Conforme informações prestadas pelos PMs no 30º Distrito Policial, Francisco foi visto em atitude suspeita na Messejana, a viatura tentou abordá-lo, mas ele fugiu. Na alça do viaduto, teria feito a conversão para acessar a avenida Frei Cirilo e perdeu o controle do veículo. Foi quando teria acontecido a troca de tiros. Pelo menos cinco disparos foram ouvidos por moradores. Com a colisão, o homem saiu pela janela do veículo, foi atingido e morreu no matagal alagado da alça do viaduto. A arma que ele teria usado na ação, porém, não foi encontrada.

Titular do 30º DP, o delegado Márcio Rodrigo Gutierrez ouviu os policiais. Um oficial da PM que esteve no local, mas não participou da ocorrência, disse que o corpo da vítima teria sido retirado da água por moradores. Gutierrez respondeu que, caso isso tenha ocorrido, “houve falha” dos policiais, já que o local do crime não teria sido preservado. Ainda segundo o delegado, dois projéteis foram encontrados no carro, mas não foi confirmado se eles pertenciam a Edineudo. O caso será investigado pelo 30º DP.

O povo

Comentários