» » » Crajubar pode ultrapassar R$ 1 bilhão em arrecadação



A soma dos três maiores orçamentos municipais da região do Cariri pode atingir, em 2016, o patamar de R$ 1 bilhão em arrecadação. Apesar da crise anunciada para o próximo ano, existe a expectativa de que as administrações de Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha superem as previsões estabelecidas em pouco mais de R$ 973 milhões.

Com um crescimento superior a 10% ao ano, juntos, os três municípios devem chegar a um valor superior a R$ 1,07 bilhão. A estimativa é baseada na arrecadação de Juazeiro do Norte, estimada para 2016 em R$ 484.167.576,84. Em 2014, o Município arrecadou R$ 351.512.716,46.

Nos três casos, os Projetos de Lei, contendo a Lei Orçamentária Anual (LOA), já foram encaminhados pelos Poderes Executivos às Câmaras Municipais. Após aprovação, com as devidas emendas, os projetos devem retornar ao Executivo para sansão. A LOA é regida pela Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), com base na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

O município de Barbalha caminha para ter a menor arrecadação do Crajubar. O Executivo barbalhense faz uma previsão de pouco mais de R$ 203 milhões (R$ 203.514.008,02) a serem arrecadados em 2016. A Câmara votou e aprovou o projeto na noite desta segunda-feira (9), com poucas emendas e sem ressalvas.

O orçamento do Crato, previsto em R$ 286.122.000,00, foi o primeiro a ser aprovado pela Câmara Municipal. Entre os três, foi o único envolvido em polêmicas. Apesar da aprovação por unanimidade, na sessão do dia 26 de outubro, os vereadores cratenses aprovaram emenda que limita à autorização do Legislativo o remanejamento de 40% do orçamento.

Para o presidente da Câmara, vereador Pedro Alagoano (PSB), a medida é apenas para que os vereadores tenham maior acompanhamento dos atos do Executivo. Já o prefeito Ronaldo Mattos (PSC) disse respeitar a decisão, mas avaliou a medida como meio de pressão e barganha. Para o prefeito, a emenda limita o Executivo na sua principal tarefa, a de investir os recursos com celeridade. Em Juazeiro do Norte, segundo o presidente da Câmara, Danty Benedito (PMN), o projeto será colocado em pauta na sessão desta terça-feira (10). Em contato com vereadores de oposição e da base do prefeito Raimundo Macedo (PMDB), não foi percebido qualquer resistência à aprovação do Projeto de Lei.

Para Danty Benedito, o debate deve ficar relacionado às emendas, mas sem muita polêmica. “Espero uma discussão saudável e madura. Os últimos posicionamentos da Câmara, por meio dos seus parlamentares, têm sugerido isso. Acho que o projeto passa sem maiores dificuldades”, avaliou Danty.

Nos três casos, o projeto recebeu parecer favorável das comissões de Orçamento, Fiscalização e Finanças. Durante prazo regimental de cada Câmara, as comissões analisaram os objetivos e metas das administrações para despesas de capital, além do estabelecimento de prioridade prevista no Plano Plurianual (PPA).              

(Jornal do Cariri)      

About Cariri como eu vejo

Olá! Eu sou Leo design web.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply