Header ads

» » » Enem 2017 tem 1,5 milhão de inscritos em 48 horas

Prazo para inscrição vai até as 23h59 do dia 19. Taxa para participar do exame será de R$ 82.




Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 recebeu 1.571.253 inscritos nas primeiras 48 horas de funcionamento do sistema. O prazo vai até as 23h59 de sexta (19). A taxa subiu para R$ 82 e o boleto precisa ser pago até 24 de maio.

Baixe o aplicativo G1 Enem: jogo de perguntas e respostas

O total de mais de 1,5 milhão de inscritos foi alcançado às 8h desta quarta-feira (10). O sistema começou a receber inscrições na manhã de segunda.

Para fazer a inscrição, você precisar saber:
qual o endereço de acesso: enem.inep.gov.br/participante
quais os documentos necessários
como definir sua senha
como pedir atendimento especializado
como e quem pode solicitar a isenção
O processo de inscrição está distribuído em seis seções no site do Enem: "Dados pessoais", "Recursos", "Prova", "Ensino Médio", "Escola" e "Questionário".

Novo sistema de segurança

O sistema ganhou reforços de segurança para evitar furtos de senha. A partir deste ano, não será mais possível criar uma nova senha direto no próprio site, e o usuário receberá um alerta por e-mail quando sua senha for alterada.

O Inep já havia anunciado que mudaria o sistema em fevereiro. As medidas foram tomadas depois que uma brecha foi supostamente por internautas em um fórum anônimo, que disseminaram dicas para "furtar" a senha de candidatos do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) que se destacaram no Enem 2016.

A senha escolhida pelos candidatos no ato da inscrição é importante não só para o acesso ao local de provas e ao resultado do exame. Ela também é necessária na hora da inscrição no Sisu, já que os dois sistemas, apesar de estarem em páginas diferentes, são integrados. Em janeiro deste ano, na primeira edição do Sisu, o MEC afirmou que, em dois dias, pelo menos 100 mil candidatos pediram para trocar a senha do Enem.
Como recuperar a senha

O G1 testou o novo sistema de troca de senha. De acordo com informações do Inep, agora, a lista de informações exigida para recuperar o acesso vai mudar aleatoriamente a cada pedido. No primeiro teste do G1, foi possível cadastrar um novo e-mail utilizando os seguintes dados pessoais: CPF, e-mail, telefone celular e nome completo da mãe. Já em uma segunda tentativa, foi preciso informar o RG, por exemplo.

Caso a pessoa responda às questões corretamente, ela pode escolher um novo endereço de e-mail e um novo número de telefone para receber uma senha temporária. Depois, deverá retornar ao site para escolher uma nova senha. Ao mesmo tempo, o sistema encaminha, no e-mail antigo, um e-mail automático alertando sobre a mudança. Segundo o Inep, o e-mail também vai avisar que, caso o candidato não tenha solicitado a alteração, ele deve entrar em contato com o Inep.

Fonte: G1

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor nos avise através do Whatsapp (88) 8812-5476. Duvidas, criticas ou sugestões também podem ser enviadas em nosso contato Whatsapp. .

About Cariri como eu vejo

Olá! Eu sou Leo design web.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply