quinta-feira, 14 de março de 2019

Inclusão na Educação é tema de formação para cuidadores da rede municipal do Crato


Foi realizado ontem, quarta-feira, 13, o I Encontro de Cuidadores, Brailistas e Intérpretes de Libras da Secretaria Municipal de Educação (SME). O evento, promovido pela Coordenadoria de Inclusão da SME, aconteceu no auditório da repartição e contou com cerca de 150 cuidadores das escolas da rede municipal de ensino.

O encontro teve como objetivo capacitar os cuidadores na perspectiva da inclusão no atendimento às necessidades educacionais específicas de todos os alunos, sobretudo os que apresentam comprometimentos motores, sensoriais, físicos, comportamentais e/ou intelectuais.

A Secretária de Educação, Germana Brito, recebeu os cuidadores, ressaltando que com o início do ano letivo, surgem novas possibilidades, novos caminhos para a melhoria contínua da educação cratense. “Intuímos realizar um trabalho partilhado, na construção de saberes em prol do crescimento dos processos educacionais na nossa cidade, com ênfase na inclusão e no afeto”, destacou.

Dando continuidade, a Secretária Adjunta de Educação, Tammy Alencar, disponibilizou um vídeo para reflexão e enfatizou a importância da inclusão e humanização na sala de aula. Em seguida, a psicopedagoga Luciana Barros apresentou a equipe da coordenadoria de inclusão que irá auxiliar os cuidadores nas suas funções. A psicóloga Paula Roberta França falou acerca da importância do cuidador em sala de aula e das habilidades socioemocionais. A fonoaudióloga Apoliana Pontes discorreu sobre pontos do trabalho do profissional de fonoaudiologia no processo educacional. 

E encerrando o momento, a temática: Serviço Social e Inclusão, com informações das assistentes sociais Laura Márcia e Verônica Monteiro.

A cuidadora Valnice Melo, que trabalha na Escola Antônio Antuérpio, enalteceu a valorosa contribuição de encontros como esse, não só para sua formação como cuidadora, mas também como pessoa que pode sempre fazer mais pelo outro. “Foi muito importante participar dessa troca de saberes e obter mais informações para o desenvolvimento do meu trabalho”, disse.

Inclusão é a nossa capacidade de entender e reconhecer o outro e, assim, ter o privilégio de conviver e compartilhar com pessoas diferentes. A educação inclusiva acolhe e se propõe a fazer da escola um lugar de encontro, de igualdade, de desenvolvimento.

Informações da assessoria de comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário