quinta-feira, 23 de maio de 2019

Acidentes no trânsito deixaram mais de 1,6 milhão feridos em 10 anos, mais de 2,2 mil pessoas morrem por ano no Ceará


Os acidentes no trânsito deixaram mais de 1,6 milhão de brasileiros feridos nos últimos dez anos, e representaram um custo de R$ 2,9 bilhões para o Sistema Único de Saúde (SUS). As informações estão em levantamento divulgado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) com base em dados do Ministério da Saúde.

Já no Ceará, o trânsito leva a óbito, em média, mais de 2,2 mil pessoas por ano, uma a cada quatro horas, e deixa outras 11 mil feridas, com lesões graves ou invalidez permanente.

Os custos chegam a pouco mais de R$ 3,1 bilhões anuais, de acordo com as estimativas do Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV).

Entre 2009 e 2018, houve um crescimento de 33% na quantidade de internações em todo o País, só no Ceará foram registradas 106.029 internações nos dez anos avaliados.

Para o diretor da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet) e membro da Câmara Técnica do Conselho Federal de Medicina, Antônio Meira, esses acidentes já são considerados um dos principais problemas de saúde pública do país.

Entre as vítimas graves do tráfego, os dados apontam que 60% dos casos são de pessoas entre 15 e 39 anos. O maio amarelo é o mês dedicado ao combate de acidentes de trânsito em todo Brasil.

via Ceará Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário