segunda-feira, 24 de junho de 2019

Procissão e missa marcarão o encerramento da festa de São João Batista hoje em Crato


Igreja de São João Batista, em CratoIniciada no último dia 14 de junho, a festa de São João Batista, padroeiro do bairro Mirandão, em Crato, chega ao fim com a tradicional procissão, a ser realizada às 18 horas desta segunda-feira, dia 24 de junho, data em que é celebrado.

Após a caminhada, que percorrerá as principais ruas da comunidade, os fiéis participarão da Santa Missa, a ser presidida pelo padre Ranilson Belém, pároco de São Miguel, paróquia responsável pela Igreja de São João.

São João Batista nasceu em Aim Karim, cidade de Israel que fica a 6 quilômetros do centro de Jerusalém. Seu pai era um sacerdote do templo de Jerusalém chamado Zacarias. Sua mãe foi Santa Isabel, que era prima de Maria, Mãe de Jesus. São João Batista foi consagrado a Deus desde o ventre materno.

Em sua missão de adulto, ele pregou a conversão e o arrependimento dos pecados manifestos através do batismo. João batizava o povo. Daí o nome João Batista, ou seja, João, aquele que batiza.

Por causa de seu carisma, algumas vezes o povo pensava que São João Batista era o Messias. Mas ele sempre dizia: Eu não sou o Cristo, eu não sou digno de desatar nem a correia de suas sandálias. Quando o próprio Jesus, o verdadeiro Salvador, foi ao encontro de João Batista para ser batizado, São João disse: Eu é que devo ser batizado por ti, e tu vens a mim? Mas Jesus confirmou e São João Batista batizou Jesus.
São João Batista é o primeiro mártir da Igreja, e o último dos profetas.

Sua festa é celebrada desde o começo da igreja, no dia 24 de junho. Ele é venerado como profeta, santo, mártir, precursor do Messias e arauto da verdade, custe o que custar.

via Gazeta Cariri

Nenhum comentário:

Postar um comentário