Outros 15 policiais suspeitos de envolvimento na ‘Tragédia de Milagres’ são afastados pela CGD


Carro em que vítima estava junto com criminosos foi atingido por
diversos tiros em Milagres. FOTO: Antônio RodriguesOutros 15 policiais envolvidos na “Tragédia de Milagres” foram afastados preventivamente pela Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário (CGD).

A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado do Ceará (DOE-CE), nesta segunda-feira (23). Ao todo, 19 policiais são investigados pelo episódio e foram afastados da Polícia Militar do Ceará (PMCE). Todos respondem a processos administrativos. 

Na madrugada do dia 7 de dezembro de 2018, um grupo criminoso armado e com reféns tentou assaltar duas agências bancárias da cidade de Milagres, na Região do Cariri. Houve intensa troca de tiros e 14 pessoas morreram. Segundo a Secretaria da Segurança do Ceará, das 14 vítimas, seis eram reféns e outras oito criminosos. Dos reféns, cinco da mesma família.

O Diário Oficial do Estado já havia publicado no dia 13 de dezembro o afastamento de quatro oficiais por suspeita de participação na “Tragédia de Milagres”. As decisões foram divulgadas um ano após o crime.                   (G1 CE)

Comentários