Tabuleiro do Norte se torna a capital cearense da sinuca


O município de Tabuleiro do Norte, na região do Baixo Jaguaribe, foi reconhecido pela lei estadual nº 17.147, de 20 de dezembro de 2019, como a Capital Cearense da Sinuca. A lei entrou em vigor segunda-feira (23), no mesmo dia da publicação no Diário Oficial do Estado.

Um dos autores do projeto de lei n°634/19, junto a Antônio Granja (PDT), o deputado estadual Fernando Hugo (PP) diz que o motivo da proposição foi o fato de que Tabuleiro do Norte já figura como o “maior centro esportivo da sinuca no Norte e Nordeste do País”.

Calendário de TurismoAlém de reconhecer a importância da sinuca no contexto da cidade, a lei ainda incluiu o Torneio Interestadual da Sinuca de Tabuleiro do Norte no calendário oficial de turismo esportivo do Estado do Ceará. O evento já ocorre há 28 anos, tradicionalmente no segundo fim de semana de janeiro, e a lei manteve o cronograma.

Transcendendo a competição entre atletas profissionais, o torneio “promove a interação esportiva entre os estados, divulga o calendário da modalidade em âmbito nacional e proporciona desenvolvimento da economia local, a exemplo do turismo regional”, indica trecho do projeto de lei. 

“Muito contagiantes são os dias em que os torneios interestaduais acontecem e até com participações internacionais”, complementa Fernando Hugo.MovimentoNa 29ª edição do Torneio Interestadual da Sinuca de Tabuleiro do Norte, que ocorrerá nos dias 10, 11 e 12 de janeiro de 2020, serão distribuídos R$ 15 mil em prêmios para os 32 primeiros colocados.

A disputa deste ano vai contar com 128 atletas já inscritos, vindos de vários municípios cearenses e ainda de outros estados como Pernambuco, Bahia, Piauí, São Paulo, Maranhão e Paraíba, contabiliza o organizador do torneio, Celínio Nogueira Barros. Uma oportunidade para colocar a cidade em evidência e dar um novo fôlego à economia local, pondera Celínio.

“Nesses dias, a nossa economia engrandece. Como os jogadores vêm de outros estados, os hotéis, por exemplo, já estão todos lotados”.Segundo o organizador, inclusive, há outros atletas “na fila”, esperando a desistência de algum dos matriculados para também participar do evento. “Nós colocamos o limite (de inscrições) para 128. Mas ainda tem muita gente querendo participar”.

 A disputa ao redor de seis grandes mesas de sinuca, poderá ser acompanhada por visitantes, na Associação Recreativa Tabuleirense – Art Clube.Para quem deseja assistir as partidas, a entrada é gratuita. A organização solicita apenas, mediante disponibilidade do visitante, a doação de um quilo de alimento não perecível, que será doado à Igreja de Santo Antônio para ser repassado a pessoas carentes da cidade.

via Ceará Agora

Comentários