Funcionários dos Correios ameaçam suspender as atividades a partir do dia 30 de janeiro


Os funcionários dos Correios de todo país, inclusive dos municípios cearenses, ameaçam suspender as atividades a partir do dia 30 de janeiro. A informação é dos sindicatos ligados a estatal.

O motivo são os novos valores do plano de saúde, que a partir de fevereiro, já passam a ficar mais caros para os trabalhadores.Em nota divulgada no site, a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Fentect, disse que que irá fazer reuniões com os sindicatos já nesta quarta-feira (15), e também na quinta (16), para decidir como irão seguir com a questão. 

No mesmo comunicado, a Federação ainda aconselha os funcionários das agências dos Correios a não assinarem nada e muito menos a sair do plano de saúde.

O anúncio de uma possível greve vem em um momento de grande indefinição para a empresa, que tem visto nos últimos meses um grande aceno da equipe do governo em prol da privatização.

Na terça-feira passada, o presidente Jair Bolsonaro chegou a dizer que se pudesse, “privatizaria os Correios imediatamente”, mas que não o faria, para não prejudicar os servidores.

via Ceará Agora

Comentários