Zezinho Corrêa, do Carrapicho, morre em Manaus vítima de complicação da Covid


O cantor Zezinho Corrêa, da banda Carrapicho, morreu neste sábado (6), em Manaus, vítima de complicações causadas pela Covid-19. O artista estava internado em um hospital particular de Manaus. O falecimento foi anunciado no perfil do artista no Instagram.

“Obrigada por levar o nome do Amazonas para o mundo. Obrigada por ser esse ser humano incrível em todos os sentidos, você já está fazendo falta na nossa família”, dizia a nota.

Zezinho foi internado no dia 5 de janeiro após sentir febre e dores musculares. Zezinho precisou ser submetido a uma traqueostomia e, no último dia 7, foi transferido para um leito de UTI de um hospital particular de Manaus, para dar continuidade ao tratamento.

Carreira

Zezinho ficou famoso nos anos 90 pelo hit “Tic Tic Tac”. Ele fez sucesso em todo o Brasil e Europa com a música. Recentemente, Zezinho participou de um lançamento de um livro em homenagem à sua carreira.

Foto: Reprodução Instagram

Fonte: O Tempo

Postar um comentário

0 Comentários