É possível que haja festas de Réveillon ‘de forma organizada’ no Ceará, diz secretário


O secretário do Planejamento e Gestão do Ceará (Seplag), Flávio Ataliba, afirmou à TV Verdes Mares, na segunda-feira (18), que “é possível, de forma organizada, realizar esses eventos de Réveillon”. O gestor integra um grupo de trabalho organizado pelo governo do estado para debater a possibilidade e o formato de possíveis festividades de virada de ano.

“Há um sentimento do grupo de, sim, de realização, de que há condições epidemiológicas, especialmente daqui a dois meses, de nós termos as festividades de fim do ano. É esse o sentimento desse grupo de trabalho, que vai encaminhar para o Comitê de Enfrentamento à Covid algumas sugestões. O primeiro ponto é que há esse sentimento de que, sim, é possível de forma organizada realizar esses eventos”, disse.

De acordo com o secretário, além da situação epidemiológica, também pesa o lado econômico e social, pois há “uma necessidade de abrir oportunidades de geração de alguma renda pra uma grande parte da população que sofreu muito durante esse período em que as atividades tiveram restrições”.

Festas descentralizadas

Uma das sugestões que serão encaminhadas ao Comitê de Enfrentamento à Covid-19, do governo do estado, é que as festividades nos espaços públicos possam ser descentralizadas, ou seja, não apenas um grande evento, mas vários com capacidades de público menores. A ideia, conforme Ataliba, é desconcentrar as populações e reduzir as grandes aglomerações.

“Quanto mais a gente tiver atrações em diversas partes da cidade, melhor. Inclusive em outras cidades no interior do estado. A ideia é a desconcentração de eventos, festividades, shows, em vários pontos da cidade. Isso é muito bom porque evita grande aglomeração”, diz.

Segundo o secretário, a ideia voltada para eventos fechados, como os organizados em buffets, restaurantes e clubes é ampliar a capacidade atual de pessoas.

Atualmente, os eventos sociais podem acolher até 300 pessoas em ambientes fechados e 500 pessoas em ambientes abertos. Veja o que mais está permitido no Ceará atualmente:
Restaurantes podem funcionar até às 3h da manhã;

Cinemas, shoppings e lojas de rua podem acolher até 80% da capacidade;

Eventos esportivos profissionais podem ter 30% da capacidade de público desde o sábado (16). A partir do próximo sábado (23), a capacidade liberada aumenta para 50%;

Igrejas podem funcionar com total capacidade de público.

Fonte: G1 CE Foto: Agência Diário

Leia também:

Postar um comentário

0 Comentários