TV Verdes Mares relembra Brasil x Argentina pela final da Copa das Confederações de 2005


Há 15 anos, Brasil e Argentina realizaram a final da Copa das Confederações de 2005, que foi disputada na Alemanha e serviu de teste para a Copa do Mundo de 2006. É este jogo que passará na TV Verdes Mares, nesta sexta-feira (19), a partir das 16 horas, na segunda transmissão de uma partida histórica da Seleção Brasileira que terminou com uma grande conquista.

No domingo anterior (12), a emissora relembrou o penta mundial do Brasil diante da Alemanha, vencido com o placar de 2 a 0, em dia de grandes atuações de Ronaldo e Rivaldo.

Final das Confederações
Sob o comando do técnico Carlos Alberto Parreira, a equipe brasileira naquele distante 2005 aplicou uma de suas maiores goleadas (4 a 1) contra seu principal adversário, a Argentina, e conquistou a sua segunda taça da competição.

Para a transmissão deste domingo, o jogo foi escolhido pelo público em enquete publicada no GloboEsporte.Com. A goleada da equipe canarinho contou com gols de Adriano (duas vezes), Kaká e Ronaldinho Gaúcho. Com 49,48% dos mais de 100 mil votos, superou outras duas finais históricas para o Brasil: a da Copa das Confederações de 2013, contra a Espanha, e da Olimpíada do Rio de Janeiro 2016, diante da Alemanha.

A Seleção Brasileira vinha de uma campanha no início do ano de 2005 que deixou o torcedor de orelha em pé. Então, já é possível imaginar que o time de Parreira chegava para o evento-teste da Copa do Mundo de 2005 sob desconfiança.

No entanto, Carlos Alberto Parreira havia sido inteligente meses antes do início da Copa das Confederações. Logo que notou a insatisfação da torcida com uma Seleção que não rendia bem, testou jogadores que atuavam no Brasil e se destacavam naquele período. Cicinho e Fred foram ganhando espaço a partir desses testes de elenco.

Com isso, a cara do Brasil foi dando indícios de mudança quando o quarteto formado por Kaká, Ronaldinho Gaúcho, Robinho e Adriano deu show diante do Paraguai, nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2006.

Mas no jogo seguinte, contra a Argentina, voltou a jogar mal e acabou derrotado por 3 a 1, em Buenos Aires, dando luz novamente à dualidade técnica brasileira.

Na Copa das Confederações, venceu a Grécia, por 3 a 0, que era campeã europeia. No jogo seguinte, sofreu derrota por 1 a 0 para o México. A classificação para as semifinais veio na última rodada, quando empatou com o Japão em 2 a 2.

Na semifinal, um novo jogo apertado contra os donos da casa, a Alemanha, por 3 a 2. Na final, com o embalo produzido pela vitória diante dos germânicos, a equipe brasileira goleou os argentinos por 4 a 1 – jogo que será relembrado neste domingo (19).

Só um ainda joga
Daquela Seleção, apenas Robinho está em atividade – joga na Turquia. O restante já se aposentou. Adriano é diretor de vendas da Adidas Brasil, Kaká estuda para ser dirigente esportivo e Ronaldinho Gaúcho está preso no Paraguai por tentar entrar no país com documentos falsos.

Foto: reprodução

FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE

Comentários